14 de nov de 2007

Renovando...

Renovando
Corte a corrente do mal no instante em que ela chega até você.
O fato de comentar um fato desagradável, dar opinião negativa em cima de quem já anda cheio de problemas não resolve nada, muito pelo contrário, só prejudica ainda mais a situação.
Você mesmo já não esteve em um momento em que precisava de uma palavra amiga e acabou ouvindo uma crítica?
O mal é como o fogo, precisa de combustível e vento para se espalhar, não seja você o vento que vai manter acesa a chama das energias negativas.
Onde você chegar, se encontrar tristeza, leve um sorriso, não tem custo algum e tem um poder de transformação muito grande.
Se encontrar desânimo, leve palavras animadoras, que tragam novas oportunidades em cada sílaba.
No hospital ressalte as melhoras, evite falar de doenças, choro desnecessário.
No velório, seja a sua face a mais neutra possível, use o poder do abraço silencioso para dizer que está presente e pronto para ajudar.
O mal se combate com o bem, as trevas se dissipam com a luz, a vida se alegra com o nosso entusiasmo.
Encha-se de esperanças renovadas.
Esqueça o passado que porventura trouxe mágoas.
O ódio é prenúncio de doenças de difícil cura, então, comece o círculo do bem na Terra, abrindo um sorriso bem gostoso, diferente de todos que tem ilustrado sua face.
Sorria com a certeza de que o novo dia está apenas começando e as suas chances são maiores porque você merece ser feliz e entendeu que agora é a sua vez.
=)
Existem imagens que por seus múltiplos significados merecem ser postadas novamente.
Beijokkas,

Um comentário:

Edson Marques disse...

Mírian,

Belíssimo esse teu texto!


Críticas deveriam requerer amplo conhecimento do objeto criticado - e uma capacidade absoluta de raciocinar com lógica. Mas nem sempre é assim. Aliás, quase nunca é assim...




Também gostei muito dos comentários que você deixou no blog Mude.


Se você não encontrar razões para ser livre, invente-as.

Abraços, flores, estrelas..